Ação Nacional de Integração | Estudantes removem 2,5 toneladas de lixo do Estuário do Sado

FNAEESP FNAEESP

No âmbito da Ação Nacional de Integração, cerca de 600 estudantes recém-chegados ao Instituto Politécnico de Setúbal recolheram perto de 2,5 toneladas de lixo  da zona industrial da Mitrena.

Entre os resíduos recolhidos, destacam-se 520 embalagens plásticas de sal fino, usado pelos mariscadores para a apanha do lingueirão. No total, serão recuperados para reciclagem 527 quilos de vidro e 229,5 de plástico.

Esta atividade deixará marcas positivas no património natural de Setúbal e, consequentemente, no ambiente; impedindo que estes quase 2 500 quilos de lixo, largado à beira rio, pudessem contaminar as pradarias marinhas do Sado.

A sustentabilidade ambiental, dentro e fora dos campi, é uma missão assumida e já em curso no IPS, como comprova a Bandeira Verde Eco-Escolas que, a partir de 18 outubro, passará a ser hasteada nas suas cinco escolas superiores.

A distinção é atribuída pela Associação Bandeira Azul da Europa (ABAE) e premeia um conjunto de intervenções que têm como objetivo a promoção da mudança de comportamentos para uma melhoria das práticas ambientais.

FNAEESPAção Nacional de Integração | Estudantes removem 2,5 toneladas de lixo do Estuário do Sado