FNAEESP discute a Valorização do Interior

FNAEESP FNAEESP

No dia 17 de setembro, a FNAEESP reuniu com a Secretária de Estado da Valorização do Interior, Professora Isabel Ferreira, em Bragança, para discutir algumas das atuais preocupações dos Estudantes.

Nesta reunião, a FNAEESP teve oportunidade de reiterar a importância dos Estudantes nas regiões do interior do país e o seu contributo para o desenvolvimento económico. A par disso, a Federação salientou igualmente algumas dificuldades sentidas pelos Estudantes no processo de início no novo ano letivo e discutiu algumas das soluções propostas pela Secretaria de Estado que visam colmatar a instabilidade socioeconómica, que se tem vindo a agravar com a chegada do novo coronavírus.

O Programa de Estabilização Económica e Social prevê um investimento de 786 milhões de euros, dos quais 231 milhões se destinam para o interior; o que resulta em 3561 e 3030 novos postos de trabalho, respetivamente. Algumas das medidas propostas recaem sobre o “apoio ao emprego em especial para novos desempregados”, “Requalificação profissional no ensino Superior” e “Promoção de trabalho no interior”.

De forma a fomentar o crescimento económico local, pretende-se estimular a criação de emprego – envolvendo o apoio à contratação em regime de teletrabalho e criação de espaços de coworking – e a fixação de trabalhadores e das suas famílias. Em paralelo, pretende-se apostar em formações iniciais curtas no Ensino Superior Politécnico (cTESPs), apelando à formação de jovens e adultos, incluindo desempregados e pessoas em lay-off; estimular a inserção de adultos ativos no Ensino Superior e Pós-graduações com empregadores, instituições científicas e centros de inovação.

A FNAEESP expôs ainda a importância da apostar da Ciência e Tecnologia como um dos motores de desenvolvimento e afirmação dos territórios que se encontram no interior, potenciando a sua notoriedade e o seu crescimento económico.

FNAEESPFNAEESP discute a Valorização do Interior