REUNIÃO COM O PRIMEIRO-MINISTRO DE PORTUGAL

FNAEESP FNAEESP

No passado dia 24 de março de 2015, Dia Nacional do Estudante, e juntamente com outras federações e associações académicas e de estudantes, esteve a FNAEESP em reunião de trabalho com o senhor Primeiro Ministro de Portugal, Pedro Passos Coelho, assim como com o senhor Ministro da Presidência e dos Assuntos Parlamentares, Luís Marques Guedes, com o senhor Secretário de Estado do Ensino Superior, José Ferreira Gomes, e com o senhor Secretário de Estado do Desporto e Juventude, Emídio Guerreiro.

A reunião de trabalho serviu para fazer chegar ao Primeiro-Ministro as principais preocupações do movimento associativo estudantil nacional, assim como para apresentar as propostas saídas do último ENDA, em Bragança.

Sobre o abandono escolar, reiterou o movimento associativo estudantil nacional a necessidade e urgência de apresentação do relatório sobre a problemática, fazendo-se referência à Resolução da Assembleia da República, de abril de 2013, que recomenda ao Governo que apresente esse mesmo relatório, ainda por apresentar. Foi então assumido que esse trabalho está em marcha, existindo já dados referentes ao 1º e 2º anos dos estudantes que entraram em 2011/2012, por via do cruzamento dos dados do RAIDES, na plataforma Infocursos.

Abordado o tema das bolsas de estudo a estudantes do ensino superior, e após se apresentar a proposta saída do último ENDA, que propõe a criação de uma calendarização anual, com a indicação do dia fixo em cada mês, para o pagamento das bolsas, assumiu o Primeiro-Ministro que levará a cabo a criação dessa mesma calendarização, ficando a mesma a cargo da Secretaria de Estado do Ensino Superior e da Direção-Geral do Ensino Superior (DGES). Ainda sobre o tema das bolsas sociais, foi dada liberdade de atuação à recém criada comissão de revisão do regulamento de atribuição de bolsas de estudo, que conta com Daniel Monteiro, presidente da FNAEESP, na sua constituição.

Cumpre à FNAEESP parabenizar todos os estudantes do ensino superior pelo dia assinalado, com a certeza de que todos, de uma forma ou de outra, fizeram jus à expressão “Voz aos Estudantes”, sensibilizando assim os agentes governativos para os problemas vividos por quem hoje frequenta o ensino superior. Respeitando todas as formas de ação, a federação que através dos seus associados representa cerca de 100 mil estudantes do ensino superior politécnico, continuará a privilegiar a apresentação e discussão de posições e propostas com as diversas instâncias governativas e demais agentes do ensino superior, disponibilizando-se para cooperar com todas as federações e associações académicas e de estudantes que de forma independente, apartidária e responsável coloquem os interesses dos estudantes que representam em primeiro lugar.

FNAEESPREUNIÃO COM O PRIMEIRO-MINISTRO DE PORTUGAL