VISITA AO INSTITUTO POLITÉCNICO DE SANTARÉM

FNAEESP Notícias FNAEESP

Esteve a FNAEESP, no passado dia 11 de novembro de 2014, em visita ao Instituto Politécnico de Santarém, tendo reunido com o presidente do instituto, o pró-presidente do instituto para a vertente desportiva, o administrador dos serviços de ação social e dirigentes associativos estudantis da federação académica e das associações de estudantes do Politécnico de Santarém.

O momento foi aproveitado para ser conhecida a realidade da inserção do Politécnico de Santarém na cidade, assim como as perspetivas e desafios colocados para uma maior afirmação do Politécnico de Santarém no contexto do ensino superior português. A maior aposta no desporto universitário por parte do Instituto e a análise aos programas “Retomar” e “+ Superior”, no que à sua pioneira implementação no presente ano letivo diz respeito, foram outros dos temas abordados.

Tratando-se de uma das maiores preocupações que afeta o movimento associativo estudantil nacional, foi igualmente debatida a problemática do abandono escolar, numa perspetiva nacional e também local, no concreto caso do Instituto Politécnico de Santarém. Temáticas como a rede de ensino superior, ação social escolar e a investigação no ensino superior politécnico foram também discutidas durante a visita.

O dia ficou ainda marcado pela visita às instalações da Escola Superior de Educação, da Escola Superior de Tecnologia e Gestão, da residência dos Serviços de Ação Social e da biblioteca comum a todas as escolas do instituto.

Dada a comemoração do Dia da Escola Superior Agrária de Santarém, que coincidiu com a cerimónia de tomada de posse do novo presidente da escola, e que homenageou David Ribeiro Telles, em virtude do seu 87º aniversário, aproveitou a direção da FNAEESP para presenciar à cerimónia.

Esta foi mais uma etapa concretizada pela direção da federação, das 15 totais da iniciativa, respeitantes aos 15 institutos politécnicos portugueses, com o intuito de serem conhecidas as diferentes realidades e problemáticas locais, sentidas por cada um dos institutos politécnicos portugueses.

FNAEESPVISITA AO INSTITUTO POLITÉCNICO DE SANTARÉM